quinta-feira, 30 de janeiro de 2014

:: ALGUNS LEITÕES FUGIRAM DO CORRAL E SÓ FIZERAM M£RD@!! ::



Saudações Gloriosas,

Inacreditável ao ponto que chega o fanatismo de certos tipos de formas de vida!
Hoje logo pela manhã um grupo de jovens leitões que se deslocavam há capital, no que pensamos que tenha sido um género de visita de estudo a um museu de marionetas, acharam por justiça virem equipados e moralizados a rigor, com cachecóis e cânticos apregoados, como se de um dia de jogo se tratasse, entram na rua a caminho do seu destino em tamanha algazarra com cânticos bem entoados para todos ouvirem, algo que para estes porquinhos não foi suficiente, e por isso toca de provocar os moradores ao que supomos ser o estilo porcalhão de comportamento que lhes é ensinado nas escolas lá na merda de cidade que chamam de invicta, mas que na verdade mesmo do nome não tem nada a não ser no sentido em que ali a corrupção é invicta na cabeça de muita da gente que defende estes prencipios e não a cidade.

Com professores ou sem, não há respeito nenhum consumo de drogas há porta do edifício, e em provocação a alguns membros de uma colectividade local sediada no mesmo convento, tanto há entrada que até não estava nenhum dos educadores presente e sem justificação para o comportamento provocante que tiveram desde a sua chegada ao destino da tal visita, como a saída onde começou um desagradável desacato por autoria de um dos alunos da turma da javardice, que decidiu que ainda não era suficiente, e por isso toca de arremessar objectos ( " uma revista dobrada "), acabou com quase um linchamento, provocado por putos irresponsáveis que não se sabem comportar, e pior vêm com o pensamento que que a capital do País, e a gente que humildemente aqui faz as suas vidas são o pano do chão para eles pisarem, na nossa opinião o comportamento que tiveram só pode ser qualificamos de grotesco, típico de trogloditas ridículos e embeices, com o upgrade de chico, mas que de fino da cação do Rui Veloso não têm nada e espertos têm tudo, mas que essa esperteza acabou por se transformar na sorte que tiveram de não serem na realidade castigados como tanto provocaram, e se calhar estão confortáveis com essa forma de agir, por isso este tipo de comportamento ser natural já à muitos anos neste tipo de leitão almiscarado.

Acabou com muita confusão e alguma troca de galhardetes entre alguns miúdos mais fervorosos que por lá se encontravam e se ofenderam com o comportamento de estes animais de corral que tiveram a infelicidade de vir infestar a nossa cidade com a merda de forma de viver que têm, numa situação desnecessária que podia ter sido evitada se não fosse a irresponsabilidade dos educadores permitirem que estes tipos que comportamentos aconteçam, achamos revoltante ver isto sucessivamente a acontecer sem que estes bandalhos levem a lição que tanto procuram, mas numa cidade em que os verdes metem a passadeira e ficam contentes, o Benfiquistas ficam no seu poleiro a ver estes Javalis velhos, ou novos sempre que aqui vêm a fazerem a merda que lhes apetece fica difícil.


Estas bostas tentaram fazer pouco de quem não fez nada aqui mas deram-se um pouco mal, a comunidade não gostou da brincadeira e o que lhes valeu ainda foi mesmo algum bom senso de certos membros e dos próprios professores, que embora tenham tido um comportamento bastante permissivo perante tamanha falta de vergonha e compostura da gentalha que trouxeram há capital, é com muita tristeza que vimos até em jovens a javardice do costume.

Educados a maneira tripeira em que o lema é que Lisboa é muita coisa menos o que é efectivamente ( a capital deste País), constatamos o desrespeito e descaramento pela gente da nossa terra, sim porque aqui no Planeta Vermelho, mesmo sendo apenas e só Benfiquistas somos todos de Lisboa, e como já estamos a falar muito deste tipo de cagadas da sociedade e para resumir e finalizar, a ideia que ficamos claramente é que eles vêm aqui festejar, cagar, mijar se preciso, e ainda com a nossa gente gozar, e nós vamos para lá já a saber que na tromba vamos levar a qualquer ato de exuberância desportiva, não vamos mais longe basta observar um jogo na zona norte do País para isto que estamos a dizer se comprovar, esta merda de fazer da nossa cidade o salão que eles querem tem que acabar, nem quem lá vive em cima festeja lá, porque se não os poucos que o fizerem são linchados como aconteceu aqui a cinco ou seis anos com Benfiquistas de lá, é triste reconhecer isto mas perante estes factos que assistimos ao vivo, ficamos com a ideia que estes tios pesam que isto é tudo deles e como eles querem, deviam de finalmente começar a pagar como nós pagamos e não sermos nós a pagar a merda que eles sempre andaram a fazer, indirecta ou directamente, meus caros está a chegar a altura de dizer chega!!

::UM::SÒ::CAMINHO::

Sem comentários:

Publicar um comentário